26 de set de 2008

Desfile

Robert Mapplethorpe
Hoje, enquanto caminhava pela avenida da raia olímpica na Cidade Universitária tive um pensamento muito bizarro. Dos que saem de balõezinhos para ilustrar uma personagem imaginativa!
Fiquei pensando que existem corpos que vestem muito bem corpos alheios... E é verdade! Posso falar que na minha vida, existiram algumas pessoas que me vestiram como uma luva...
"Ombros que ficam lindos sobre o meu bolero", "braços que se ajustam perfeitamente às minhas mangas", "mãos moldadas para enlaçar meu cinto"...
De tão bizarro, quase me matei de rir sozinha. Mas, aí já estava acabando a avenida e eu não estava mais tãããããão feliz assim...

2 comentários:

deLira disse...

eu, por exemplo, acho que o Gerald Buttler me veste perfeitamente!
rsrs

mas eh serio..
tem vezes que o numero eh menor..e a gnt nem percebe!

ai ai..essas metaforas do mundo da moda!

mary v. disse...

número menor sempre marca calcinha e pneuzinho e todo mundo tá vendo menos você, essa é a questão! ai, traumas. rs